• Set Logo Section Menu from Admin > Appearance > Menus > "Manage Locations" Tab > Logo Section Navigation
Home Mensagem do bispo para o mês de dezembro

Mensagem do bispo para o mês de dezembro

Mensagem do bispo para o mês de dezembro

Vos sois sal da terra e luz do mundo (Mt 5,13-14)

O Ano Nacional do Laicato é um tempo privilegiado para colocar em prática e testemunhar o Evangelho de Jesus Cristo.

Pela graça do batismo, todo cristão é chamado a ouvir a Palavra de Deus, testemunhar a justiça, a paz, a sensibilidade humana e o amor fraterno onde estiverem. O Papa Francisco, na exortação Apostólica Evangelii Gaudium, afirma: “O Espírito Santo, que inspirou a Palavra, é quem hoje ainda, como no início da Igreja, age em cada um dos evangelizadores que se deixa possuir e conduzir por Ele, e põe na sua boca as palavras que ele sozinho não poderia encontrar” (EG 151b). Eis a luz que norteia e orienta nossa vida para que possamos nos preparar bem através das reflexões em grupos, para tomarmos consciência que todos os batizados são sujeitos na Igreja e no mundo. O que temos para anunciar é Jesus Cristo e seu Reino. Este é o caminho que norteia a razão de sermos cristãos de fato e de verdade.

O Ano do Laicato fomenta uma feliz e agradável expectativa para juntos escutarmos o que diz o Espírito Santo aos nossos corações e juntos assumirmos a ação transformadora na Igreja no mundo. A missão é de todos nós.

Propostas para o Ano Nacional do Laicato:
• Promover eventos para marcar a abertura do Ano Nacional do Laicato, bem como Seminários Temáticos nos Regionais da CNBB;
• Publicar reflexões e subsídios para as celebrações, catequese e comunicação;
• Conclamar toda a Igreja no Brasil: regionais, dioceses, paróquias, comunidades, pastorais, movimentos, as diferentes expressões laicais e os organismos de comunhão do povo de Deus, na realização desse Ano especial;
• Dialogar com os diferentes sujeitos da sociedade, promovendo a cultura do encontro, e do cuidado com a vida e o bem comum, na esperança de que outro mundo é possível;
• Envolver os meios de comunicação social nas atividades programadas para o Ano Nacional do Laicato.

Destacamos dois âmbitos a serem considerados para o êxito do ano do laicato:

A) Âmbito da Sociedade
• Promover mecanismos de participação popular para o fortalecimento do controle social e da gestão participativa (Conselhos de Direitos, Grupos de Acompanhamento ao Legislativo, Iniciativas Populares, Audiências, Referendos, Plebiscitos, entre outros);
• Mobilizar a sociedade brasileira para a realização da auditoria cidadã da dívida pública.

B) Âmbito Eclesial
• Criar programas de formação de ministérios leigos de coordenação e animação de comunidades, pastorais e movimentos;
• Fortalecer a articulação das redes de comunidades (Doc. 100 da CNBB);
• “Criar e/ou fortalecer os Conselhos Regionais e Diocesanos de Leigos” como preconiza o Doc. 105 da CNBB, n. 275.
• Finalmente, por meio da ação pastoral articulada e de vários eventos quer deixar um legado na Igreja e na sociedade. Na sociedade, despertar para um engajamento mais efetivo nos espaços de participação e controle social, fortalecendo a democracia direta e participativa;
• Mobilizar para que se realize a auditoria da dívida pública no Brasil, este ano que retira recursos das políticas sociais e transfere para o sistema financeiro.

Na Igreja se deseja valorizar e incentivar a criação e a consolidação dos ministérios laicais, bem como a animação da paróquia como rede de comunidades e a organização de conselhos do laicato em nível diocesano e regional.

Que, este ano, será uma resposta concreta ao chamado de Jesus, atendendo à convocação do papa Francisco para uma “Igreja em Saída”.

Acreditamos na força do testemunho dos cristãos leigos e leigas para renovar as estruturas da sociedade. O Cristo encarnado veio ao mundo para revelar o rosto misericordioso de Deus Pai.

Aproveitemos o tempo do advento para preparar os corações que desejam participar das alegrias natalinas e agradecer a Deus por tantos benefícios recebidos durante este ano de 2017.

Que a estrela guia do natal desperte nos cristãs leigos e leigas, no Ano do Laicato, novo vigor e encanto para testemunhar a Alegria do Evangelho na Igreja e na sociedade sendo sal da terra e luz do mundo.

Dom Frei Severino Clasen, ofm
Bispo Diocesano de Caçador

Author: diocesedecacador